ACADÊMICOS

VAVÁ DA LUZ

Walter Mário Goes, o Vavá da Luz, nasceu em Mogeiro e reside em Ingá, Paraíba. Sobre Vavá da Luz escreveu Fábio Mozart:

“O poeta Vavá da Luz, de Ingá, é o único Secretário de Turismo da Paraíba que vai dar expediente no seu cavalo. “Em vez de dar ‘cavalo de pau’ na rua com carrões envenenados, eu sigo galopando no meu alazão, sem poluir a natureza e curtindo as belezas de minha terra”, disse Vavá da Luz. No caminho para a Secretaria, que fica no complexo turístico da Pedra do Ingá, Vavá passa pela Ponte Preta, construída no século dezenove para escoar o “ouro branco”, o algodão que deu a Ingá o título de segundo maior produtor do mundo.

Amante da natureza e guardião do meio ambiente, Vavá da Luz mora em uma fazenda urbana, a Senzala, na entrada de Ingá, onde cria cavalos e conserva peças históricas do tempo da escravidão. “Se o cavalo passar arriado, eu monto e fundo o museu de Ingá, com o material que já tenho em minha propriedade”, afirmou Vavá, conhecido pelo seu bom humor e seu talento poético. Neste mês de novembro, ele lançará seu primeiro livro de poesias, o “Livro proibido de Vavá da Luz”, que promete reunir amigos e admiradores em sua Senzala no dia do seu natalício.

Com sua verve, Vavá costuma de dizer que, se for candidato a prefeito, seu grito de guerra será um relincho. “O cavalo é o símbolo do meu estilo de vida, só não vou fazer como o prefeito de Sapucaia do Sul, no Rio Grande, que desviou verba da merenda escolar pra comprar um cavalo de raça por nome Merenda”, emendou Vavá.

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Verifique também

Fechar
Botão Voltar ao topo
Fechar