NOTÍCIAS

Galo da Madrugada exalta xilogravura e cordel no carnaval 2020

O Galo da Madrugada, considerado maior bloco de arrasto do mundo, homenageou a literatura de cordel e as xilogravuras no carnaval de 2020. O tema Xilogravuras no Cordel do Frevo teve como representante dos artesãos de todo o país o artista plástico J. Borges.

Neste ano, o Galo da Madrugada também homenageou outros nomes e manifestações da cultura popular do Estado, com um projeto inédito de curadoria artística do desfile coordenado pela jornalista Luciana Nunes, à frente do SinsPire. O Galo condecorou com o selo “Gigante Guardião da Cultura” o Mestre Galo Preto, embolador e Patrimônio Vivo de Pernambuco; as indígenas Carmem Fulni-ô, Jaqueline Xukuru e Cléo Pankararu, representando a ancestralidade cultural do Estado; Mestre Dila de Caruaru, poeta e xilogravurista; e a dupla Caju e Castanha, emboladores reconhecidos internacionalmente. No sábado do desfile, os Guardiões da Cultura vieram em destaque nos carros alegóricos.

 

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
Fechar