NOTÍCIAS

Fundação Casa de José Américo faz convênio com Academia de Cordel para o projeto “Como tem Zé na Paraíba”

Fernando Moura

A Fundação Casa de José Américo formalizará parceria com a Academia de Cordel do Vale do Paraíba para a produção de cordéis no projeto “Como tem Zé na Paraíba”. A proposta foi discutida em reunião virtual realizada nesta quinta-feira (4) com membros da Academia e o escritor Fernando Moura, Presidente da Fundação.

Fernando Moura explicou que o projeto visa, por meio de cordéis, homenagear personagens da história da Paraíba, ligado às artes, até o decorrer do próximo ano. Entre tantos, estão na lista: Zé Lins, Zé Siqueira, Zé Gomes Filho (Jackson do Pandeiro), Zé da Luz, Zé Dumont. “São inúmeros. A ideia é ligar todos estes personagens, estás figuras em cordel, começando por Zé Américo”, afirmou.

Participaram do encontro os cordelistas Raniery Abrantes, Daudeth Bandeira, Bento Filho, Marconi Araújo, Fábio Mozart, Claudete Gomes, Neto Ferreira, Anne Karrolyne, Thiago Alves, Manoel Belisário, Chico Mulungu, Cristine Nobre e Kydelmir Dantas.

 

 

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
Fechar