NOTÍCIAS

Centenário de Paulo Freire é tema de cordéis comemorativos de acadêmicos

A Academia de Cordel do Vale do Paraíba e a Universidade Estadual da Paraíba selaram convênio para publicar coletânea com cordéis versando sobre o educador Paulo Freire, marcando o centenário do filósofo pernambucano. O projeto foi discutido em reunião virtual nesta segunda-feira (15) com a professora Joseilda Diniz, curadora de literatura de cordel do Museu de Artes da Paraíba, em Campina Grande, e o poeta Josenildo Lima, da UEPB. Cada poeta da Academia produzirá cordel para celebrar os cem anos do pedagogo, trabalhos reunidos em livro que será lançado em setembro de 2021.

Na reunião estiveram presentes Marconi Araújo, Jualiana Soares, Neto Ferreira, Cristine Nobre, Raniery Abrantes, Gilberto Baraúna, Fábio Mozart, Claudete Gomes e o próprio Josenildo Lima, que faz parte da Academia. “Poetas cordelistas são educadores e formadores de opinião, e a vida e obra do educador Paulo Freire passa pela cultura popular”, disse Joseilda Diniz.

Paulo Freire é o terceiro teórico mais citado em trabalhos na área de humanas, em nível mundial. Reconhecido pelo método de alfabetização desenvolvido na década de 1960 e aplicado com sucesso entre cortadores de cana-de-açúcar em Angicos, no Rio Grande do Norte, o pernambucano é Patrono da Educação Brasileira desde 2012.

Paulo Freire também é o cidadão brasileiro mais homenageado mundo afora, detentor de mais de 30 títulos de Doutor Honoris Causa e cerca de 20 prêmios, concedidos por diversas universidades e instituições nacionais e internacionais.

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
Fechar